TudoSobreTudo

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Aécio: ‘manobras’ tentam minar credibilidade da Lava Jato

Lava Jato

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) faz um pronunciamento no Plenário Ulysses Guimarães, na Câmara dos Deputados, em Brasília
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) faz um pronunciamento no Plenário Ulysses Guimarães, na Câmara dos Deputados, em Brasília (Alan Marques/VEJA)
Depois de ter o aliado político Antonio Anastasia (PSDB) citado como um dos possíveis beneficiários do esquema de propina na Petrobras, o presidente do PSDB, Aécio Neves, disse nesta terça-feira que existem “manobras” para “confundir, enfraquecer e tirar a credibilidade” das investigações sobre o petrolão. “O PSDB vem a público denunciar as manobras em curso para confundir, enfraquecer e tirar a credibilidade das investigações que estão sendo conduzidas na Operação Lava Jato. Misturar falsas acusações com fatos reais já comprovados é estratégia de quem tenta minar a credibilidade das investigações”, disse Aécio. Anastasia e o deputado peemedebista Eduardo Cunha, candidato à Presidência da Câmara, foram citados em depoimento do agente da Polícia Federal Jayme Alves de Oliveira Filho, conhecido como o Careca, em reportagem do jornal Folha de S. Paulo.  Ambos negam envolvimento com o petrolão. Nesta terça-feira a defesa de Anastasia recorreu à Justiça Federal do Paraná com pedido de acesso ao depoimento completo de Careca. (Laryssa Borges, de Brasília)

Nenhum comentário:

Postar um comentário