TudoSobreTudo

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

PSB define apoio a Aécio e abre caminho para Marina

Eleições 2014

Maioria dos dirigentes do PSB aprovou o apoio à candidatura do tucano no segundo turno; Marina Silva anunciará sua decisão nesta quinta-feira

Marcela Mattos e Talita Fernandes
Reunião da executiva nacional do PSB, em Brasília
Reunião da Executiva Nacional do PSB, em Brasília: maioria do partido votou pelo apoio à candidatura de Aécio Neves (PSDB) à Presidência (Sérgio Lima/Folhapress)
A Executiva Nacional do PSB definiu nesta quarta-feira o apoio ao candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, no segundo turno contra Dilma Rousseff (PT). A decisão foi tomada após mais de três horas de reunião na sede do partido, em Brasília.

A posição da cúpula do PSB abre caminho para que a ex-senadora Marina Silva também apoie o tucano. Marina anunciará sua decisão amanhã, após reunião entre os cinco partidos que integraram sua coligação – PSB, PPS, PHS, PPL, PRP – e representantes da Rede Sustentabilidade, legenda que ela tenta criar. Apesar de ter sinalizado favoravelmente ao tucano no discurso pós-urnas, Marina tem ouvido seus aliados da Rede para tentar fechar posição.


A direção do PSB aceitou liberar os diretórios estaduais que votaram contra a aliança, como os do Amapá e da Paraíba, onde os candidatos da sigla, Camilo Capiberibe e Ricardo Coutinho, disputam o segundo turno e querem usar a imagem de Dilma Rousseff na campanha.

Nesta quarta-feira, mais duas legendas também oficializaram a preferência pelo tucano na reta final da eleição: o PSC, do Pastor Everaldo, e o PV, de Eduardo Jorge. Ontem, o PPS adotou posição idêntica

Nenhum comentário:

Postar um comentário